in

Mais maduro e violento, ESRB classifica The Last of Us Part II com “nudez” e “conteúdo sexual”


Corroborando com o que foi dito por Neil Druckmann em setembro do ano passado e também um dos assuntos do novo episódio do The Last of Us INSIDE, The Last of Us Part II seguirá por um caminho ainda mais maduro que o seu antecessor. Violência, drogas, relacionamentos LGBT e nudez podem ser tabus em diferentes partes do mundo, mas para a Naughty Dog, a polêmica não é intencional, e sim contar uma história livre, sem amarras.

O game que já está em pré-venda oficial no Brasil e com data de lançamento marcada para 29 de maio, foi classificado pelo ESRB (organização que analisa, decide e coloca as classificações etárias indicativas para jogos eletrônicos comercializados na América do Norte) com o selo Mature +17, descrito como sangue e violência intensa, nudez, conteúdo sexual, linguagem forte e uso de drogas. Alguns desses temas não são novidade e estão presentes no primeiro título, que tem o mesmo selo de classificação no continente. Emilia Schatz, designer da desenvolvedora, também tinha antecipado que o nível de violência será alto, pois o desconforto é necessário para criar um ambiente credível, justificando que não estão glorificando-a, que existe uma grande diferença entre representar violência e gore, e a sua glorificação. “Não é uma coisa para ficar orgulhoso.”


Falando em “Nudez” e  “Conteúdo sexual”, existe uma diferença. Um pode fazer representações não explícitas de comportamento sexual, o que pode incluir nudez parcial. O outro, referências a sexo ou sexualidade. Tudo isso em conjunto, principalmente por envolver a violência, pode proporcionar uma experiência forte, sensível para alguns públicos, uma prévia de que a segunda parte do jogo pode ter evoluído para algo jamais visto em um jogo eletrônico.

Em 2013, The Last of Us foi classificado no Brasil como +16, a parte 2 ainda não recebeu classificação. Não deixe que esgote e faça a pré-compra das edições de The Last of Us Part II disponíveis oficialmente no Brasil, com 20% de desconto e frete *grátis. Veja aqui.