in

Co-escritor explica porque uma série de TV de The Last of Us e não um filme; Produção só começará após lançamento da Part II


The Last of Us Part II será lançado no dia 29 de maio, mas o anúncio da série de TV para a HBO baseada no jogo da Naughty Dog tem ganhado bastante atenção dos holofotes. As notícias de que a adaptação será fiel aos games, a confirmação de personagens conhecidos dos fãs e que Gustavo Santaolalla também irá compor a trilha sonora contribuiu para o hype do live-action.

Na última transmissão do podcast Scriptnotes, Craig Mazin, que produzirá e escreverá o show junto com Neil Druckmann, explicou como a ideia do que seria um filme passou para série de TV, que eles estão conversando sobre fazer a série já tem um tempo, mas somente depois que a Parte 2 do jogo for lançada, começarão a trabalhar totalmente nela.

Seria um filme, Neil estava trabalhando nele como um filme para uma das divisões da Sony, e meu sentimento era de que você não poderia fazer um filme disto, precisa ser uma série. Precisa de extensão. 

É sobre o desenvolvimento de um relacionamento ao decorrer de uma longa jornada, então deve ser um programa de televisão e é isso. É assim que eu vejo. Felizmente, Neil concordou e a HBO ficou feliz. Então, aqui estamos.

 Não podemos começar agora porque eles (Naughty Dog) ainda estão finalizando o segundo game. Estamos falando disso há meses, com pequenos planos e coisas. Mas vamos nos aprofundar bastante, muito em breve, assim que eles concluírem seu trabalho final na sequência. Então, esperamos que notícias mais emocionantes cheguem, porque é algo que nós dois estamos motivados a ver na TV.

Ele também falou sobre conhecer Druckmann através de uma amiga em comum, Shannon Woodward, de Westworld, e também Dina em The Last of Us Part II.